quarta-feira, 19 de junho de 2013

Onde é o Lugar da Mulher


O livro de Mary Pride, De Volta ao Lar, mudou minha forma de pensar e ver a mulher. Segue algumas ideias abordadas no livro que muito podem chocar a formar de pensar "moderna".

O centro da vida espiritual deve ser  o lar e não outro lugar qualquer, ainda que seja a igreja,  pois nós somos os verdadeiros templos do Senhor, e o lar é o lugar onde novos templos são formados!

Deus nós chamou, nós mulheres, para trabalhar em casa, que é  o nosso verdadeiro caminho para obedece-lo, isto produz: lares fortes, igrejas que crescem sadiamente e lideres cristãos. Toda a sociedade ganha com isso. Não devemos desprezar o verdadeiro papel e lugar da mulher, pois mesmo que o marido e os filhos não estejam lá durante o dia, ela estará cuidando do "porto seguro". É claro que esta ação isolada não leva a salvação, mas em conjunto com o cumprimento os mandamentos fazem toda a diferença!

As mulheres idosas, semelhantemente, que sejam sérias no seu viver, como convém a santas, não caluniadoras, não dadas a muito vinho, mestras no bem; Para que ensinem as mulheres novas a serem prudentes, a amarem seus maridos, a amarem seus filhos, A serem moderadas, castas, boas donas de casa, sujeitas a seus maridos, a fim de que a palavra de Deus não seja blasfemada. (Tito 2:3-5)[...]




O feminismo tem feito exatamente o contrario do que manda a Palavra, pois o Movimento Feminista, que pode ser considerado uma falsa religião que endeusa a mulher e a força a trabalhar fora de casa e a ser tratada como um deus, que dever ser reverenciado. Infelizmente existe muitos teologos e feministas evangelicos que apoiam esta "liberação da mulher" e dizem que a Biblia é infalivel e que a mulher não precisa ser submisa e se submeter a liderança do homem. É verdade que seguir uma carreira profissional fora do lar sempre faz a esposa se sentir mais realizada do viver o papel de mãe? Será que o único modo de a mulher alcançar seu pleno potencial é deixando o lar e arranjando um emprego? Será mesmo que não há um modelo bíblico para os papéis femininos? O triste fato é que essas e outras noções feministas sutilmente disfarçadas são hoje os pontos de vista predominantemente aceitos nas igrejas cristãs. Muitos religiosos defendem a igualdade de ocupações, inclusive na liderança. Querem que os maridos ocupem 50% dos afazeres domesticos, etc.
A situação que vem atualmente refere-se ao que a biblia diz do final dos tempos, mas não é por isso que a igreja não deva ser luz e sal. "Podemos influenciar o mundo para melhor, ao invés de deixar que ele nos influencie para pior." (Pride, pg. 21)

O casamento foi instituido por Deus para suprir o problema da solidão como esta em Genesis 2.18: "E disse o SENHOR Deus: Não é bom que o homem esteja só; far-lhe-ei uma ajudadora idônea para ele." (Gênesis 2:18)

Se amamos a Jesus devemos obedecer os seus mandamentos,  pois ganhamos experiencias espirituais atraves da nossa frutifera obediencia a Deus. O casamento não deve estar baseado no sentimento romantico, que Hollywood prega, mas deve ser uma decisão de amar até as ultimas consequencias. Amar deve ser uma decisão e não um sentimento. Cada um deve cumprir o seu papel.

Qual  o proprosito da existencia do casamento

Deus colocou o primeiro casal no Jardim do Eden para que multiplicassem, enchessem a terra e a dominassem. O centro do casamento cristão é servir a Deus e não ao proprios interesses. (p. 25)

Quando se encontra um crente que procura ser fiel as Sagradas Escrituras e não seguir os valores errados da sociedade, outros crentes chegam a dizer que é um fundamentalista!

Seguindo a linha do feminismo, que quis que homens e mulheres devem realizar tarefas iguais, muitas igrejas evangelicas, fazem questão de que mulheres ocupem lugares de liderança. Muitas mulheres de pastores são também pastoras, e quando ambos estam pregando, os filhos ficam aos cuidados de empregadas. Os homens tem que fazer o trabalho das mulheres enquanto elas fazem o trabalho deles. O movimento feminista, quer o planejamento familiar, com pilulas, que muitas vezes provocam micro-abortos, a aceitação do homosexualismo, a igualdade sexual no trabalho, ordenação pastoral para mulheres, etc em detrimento de: lares explendidamente santos e solidos,

As esposas devem amar os maridos primeiramente, depois os filhos, assim os lares serão fortes para alicerçar as igrejas e o Estado. A esposa deve ser ajudadora e companheira, como assim foi a primeira mulher criada por Deus, Eva, para ajudar, ser companheira, para serem ferteis e se multiplicar, pois Adão estava imcompleto no Eden, apesar de ter a companhia do Senhor, ela precisava se sentir completo. Deus então criou a mulher e não outro homem.

A entrada da mulher no mercado de trabalho se deu com o capitalismo e o socialismo, que exige a força feminina no mercado.

Quando Deus é o centro na vida do casal, eles procuram se conduzir conforme a direção dele. O amor que a biblia solicita mas no casamento, não é o amor romantico ou sentimental, mas o amor incondicional, o amor de irmãos em Cristo. Casamento é parceria.

Ainda fazeis isto outra vez, cobrindo o altar do SENHOR de lágrimas, com choro e com gemidos; de sorte que ele não olha mais para a oferta, nem a aceitará com prazer da vossa mão. E dizeis: Por quê? Porque o SENHOR foi testemunha entre ti e a mulher da tua mocidade, com a qual tu foste desleal, sendo ela a tua companheira, e a mulher da tua aliança. E não fez ele somente um, ainda que lhe sobrava o espírito? E por que somente um? Ele buscava uma descendência para Deus. Portanto guardai-vos em vosso espírito, e ninguém seja infiel para com a mulher da sua mocidade. (Malaquias 2:13-15)

Os frutos do casamento legitimo, os filhos dedicados a Deus. Os filhos são frutos essenciais ao casamento não seu efeito colateral. O casamento é um meio de cumprir o mandamento do Senhor de dominar a terra. O que dizer das mulheres que são obrigadas a criar seus filhos sozinhas, ou mesmo até pais que tem que cuidar, por total abandono da paternidade da outro parte responsavel. Diriamos segundo a Biblia devemos nos apoiar em Deus e buscar nele o conforto e guia para educar crianças!

Outras ideias abordadas no livro:

- Alegria sexual sem aberrações.

- Sexo natural, fertilidade e filhos, dar frutos para Deus

- Portanto deixará o homem o seu pai e a sua mãe, e apegar-se-á à sua mulher, e serão ambos uma carne. (Gênesis 2:24)

- O ato de separar o sexo da fertilidade leva a perversão.

"Por isso Deus os abandonou às paixões infames. Porque até as suas mulheres mudaram o uso natural, no contrário à natureza. E, semelhantemente, também os homens, deixando o uso natural da mulher, se inflamaram em sua sensualidade uns para com os outros, homens com homens, cometendo torpeza e recebendo em si mesmos a recompensa que convinha ao seu erro." (Romanos 1:26-27)

A maternidade é o papel fundamental da esposa.

"Salvar-se-á, porém, dando à luz filhos, se permanecer com modéstia na fé, no amor e na santificação". (1 Timóteo 2:15)

As mulheres devem aprender em silencio e reflexão em vez de ter papel de liderança na igreja ou pregar no pulpito, mas seu papel deve rodear a maternidade. "Fé, amor e santidade com  modestia". (p.44)

Quero, pois, que as que são moças se casem, gerem filhos, governem a casa, e não dêem ocasião ao adversário de maldizer; (1 Timóteo 5:14)

Grande parte das igrejas evangelicas aprovam o controle da natalidade e a entrada da mulher no mercado de trabalho. A mulher não deve se tornar preguiçosa e ficar andando de casa em casa, "comentando da vida dos outros"!

Devemos amar os bebes, filhos são bençãos! O medo de ter muitos filhos é o de não conseguir sustenta-los. Ainda mais a campanha dos ecologistas e feministas pelo controle populacional.

A tua mulher será como a videira frutífera aos lados da tua casa; os teus filhos como plantas de oliveira à roda da tua mesa. Eis que assim será abençoado o homem que teme ao SENHOR. (Salmos 128:3-4)

O livro de Proverbios tem 41 versiculos de como educar os filhos! Os filhos devem ser acusados de libertinagem. Educar os filhos voltados para a obediencia a Deus.

Muitas mães vão trabalhar para se verem livres dos filhos, muitas realmente precisam trabalhar para sustentar os seus, uma vez que ficaram viuvas, o marido abandonou ou  esta desempregado, mas a grande maioria poderia ficar em casa e criar os filhos, cuidar da casa e do marido, pois este é o verdadeiro papel da mulher: esposa e mãe. Não é isto que salva a mulher isoladamente, mas em conjunto em ter o Senhor Jesus como Salvador faz uma grande diferença. Nos EUA já são mais de 2 milhões de crianças que estam estudando em casa no Home School, ou seja, Escola em Casa, aos olhos principalmente das mães que tutoream o ensino dos filhos. Elas crescem junto com sua prole. Pois quem ensina aprende duas vezes. Ao inves de gastar fortunas com escolas particulares ou deixar as crianças "largada" em escolas publicas, os pais estam assumindo, literalmente a educação dos filhos.

Infelizmente as mães da atualidade estam perdendo  o seu papel por causa da lavagem cerebral que a sociedade faz, atraves dos meios de comunicação. E tão dificil de ter um filho e estes são largados para outros educarem, ou melhores, deseducarem, darem uma má educação. É necessario viver o papel de mãe! A infiltração da doutrina pagã nas igrejas, inclusive as evangelicas esta matando a  verdadeira missão da mulher e literalmente  abordando bebes com o controle de natalidade. ( Ver livro Abortos na Silêncio)

Devemos educar os filhos para fazer o bem e evitar o mal, com o coração voltado a Deus e com uma conduta amorosa.

Ora, o fim do mandamento é o amor de um coração puro, e de uma boa consciência, e de uma fé não fingida. (1 Timóteo 1:5)

A Biblia diz que as mulheres mais velhas cristãs devem ajudar as mulheres jovens a educarem seus e não os "doutores sabe-tudo". Mas é dificil achar um anciã nestas condições até mesmos nas igrejas evangelicas. Então precisar ir nos mesmas a Biblia e redescobrir a arte perdida de como viver o  papel de verdadeira mãe de acordo com a vontade de Deus! Com a ajuda do Mestre dos mestres pode ir na sua corrente e não apenas nadar contra a maré.

A Biblia divide a criação dos filhos em duas categorias:

- o que devemos fazer: gravar os mandamentos de Deus no coração dos nossos filhos e nos nossos também! Ensinando-os a amar a Deus sobre todas as coisas e serem pessoas amorosas e produtivas.
- de que modo devemos fazer: ser rigorosa com todos pecado, paciente com a fraqueza, incentivando a boa conduta. Os pais são os incentivadores. A justiça dever estar misturada com a misericordia, assim a criança entenderá como amor.

Alguns especialistas dizem que o que importa é a qualidade, dizem: o "tempinho" a noite que você passa com o seu filho é mais importante do que ficar o dia inteiro com ele gravando no seu coração os mandamentos de Deus.

Filhos são plantas que devem ficar protegidos na estufa.

As esposas devem estar ocupadas em casa.

Mary Pride e seu marido se desfizeram da Tv.

Não é bom para as crianças jogarem ou se envolverem em familias que não são cristãs, pois isto as influenciariam.

as mulheres que trabalham em casa é que são verdadeiramente livres pois eles são os seus próprios chefes. 150

Muitos maridos e até pastores forçam as mulheres a trabalharem fora. " E o fim da caridade cristã!"

Porque o fruto do Espírito está em toda a bondade, e justiça e verdade;
Aprovando o que é agradável ao Senhor.
E não comuniqueis com as obras infrutuosas das trevas, mas antes condenai-as.
Porque o que eles fazem em oculto até dizê-lo é torpe.
Mas todas estas coisas se manifestam, sendo condenadas pela luz, porque a luz tudo manifesta.
Por isso diz: Desperta, tu que dormes, e levanta-te dentre os mortos, e Cristo te esclarecerá. (Efésios 5:9-14)

A arte de expressão expressa a verdade sobre os fatos. O artista expressa o que sente. O artista (pintor, escrito, etc) faz sua arte como desabafamento  do que esta no seu interior! Existem autores e escritores, "artistas" e pintores, a pessoa precisa se expressar! Pode-se expressar coisa puras ou impuras.

Quanto ao mais, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude, e se há algum louvor, nisso pensai.
Filipenses 4:8.


Precisar praticar a arte diaria de procurar expressar o que é excelente e belo. O belo acalma e refaz o espirito cansado. Art of Homemaking, compartilhar, louvar a Deus servindo as pessoas.

O lar deve ser um lugar onde os membros da familia podem sentir paz e relaxar, reabastecer o espirito e a alma, principalmente para o homem que trabalha for e chega cansado do trabalho. A mulher e os filhos devem respeitar e oferecer a ele essa alegria do descanço.

Muitas vezes a dedicação a uma carreira acaba caindo na negligencia com a dedicação total à familia e ao lar. Como é que uma mulher que trabalha fora pode cuidar da casa: lavar, passar, cozinhar, cuidar dos filhos, limpar, e principalmente dar carinho aos seus. Pode até ser mais não será pleno. Tenho visto isto na minha familia e em outras.

A mulher do passado era uma artista que se dedicava à familia. Fazia tudo com amor, e tudo o que se faz com amor, se torna arte. (Pride, 167)

Que a mulher da atualidade, possa voltar-se totalmente para os padrões para a mulher estabelecido por Deus. Este movimento de "homemaker" (dona-de-casa) esta ficando cada vez mais forte nos EUA, onde centenas de milhares de mulheres estam deixando suas carreiras para se dedicar totalmente à familia. Elas inclusive "homeschooling" seus filhos, isto é, oferecem toda a graduação do ensino fundamental, medio em casa. Já são mais de 2.000.000 crianças estudando em casa. Infelizmente no Brasil a Escola em Casa foi proibida desta a constituição de 1988. Mas as mães de plantão podem acompanhar totalmente a vida escolar diaria de seus filhos.

Que possamos ouvir e responder ao nosso chamada mais elevado como mulher, esposa, mãe e donas de cada.

Bibliografia:
JesusSite
www.thewayhome.org

Sem comentários:

Enviar um comentário